Crescem as reivindicações na Nicarágua pelo “silêncio escandaloso” do Papa Francisco diante da perseguição implacável de Daniel Ortega contra a Igreja Católica

. Por mais de quatro anos, o Papa Francisco evitou comentar sobre uma crise que deixou mais de 350 assassinados e mais de mil presos políticos na Nicarágua. (Foto da Reuters) .

Por Fabián Medina Sanches – 3 de agosto de 2022- de Manágua, Nicarágua

Nos últimos meses, o regime sandinista fechou […]