Meio ambiente, encontro dos gigantes da energia no Vaticano

 

ANDREA TORNIELLI, 02/06/2019 – 

CIDADE DO VATICANO

Tradução: Orlando Almeida

Reunião de cúpula de dois dias a portas fechadas das multinacionais do petróleo e do gás, organizado pela Universidade Notre Dame.

Previsto também um encontro com o Papa

 

Um encontro a portas fechadas no Vaticano organizado por uma universidade católica dos Estados Unidos, para reunir os líderes das multinacionais da energia com o Papa Francisco e todos os que na Santa Sé se interessam pelo meio ambiente. É o evento de dois dias marcado para 8 e 9 de junho na Casina Pio IV no Vaticano, sede da Pontifícia Academia das Ciências, promovido pela Universidade Notre Dame.

Participarão dele, segundo informa a agência de notícias Reuters, os dirigentes máximos das empresas

  • ExxonMobil,
  • Eni,
  • British Petroleum,
  • Royal Dutch Shell,
  • Equinor (ex-Statoil norueguesas)
  • e Pemex.

Eni será representado pelo diretor administrativo Claudio De Scalzi. O título da reunião é “A transição energética e o cuidado do nosso lar comum”.

No parágrafo 165 da encíclica Laudato si’, dedicada aos cuidados com a criação, o Papa Francisco escreveu:

“Sabemos que a tecnologia baseada em combustíveis fósseis, altamente poluentes – especialmente o carvão, mas também o petróleo e, em grau menor, o gás – deve ser substituída progressivamente e sem demora.

  • Enquanto se aguarda por um amplo desenvolvimento das energias renováveis,
  • que já deveria ter começado,  
  • é legítimo optar pela alternativa menos danosa
  • ou recorrer a soluções transitórias”.

Muitos dos gigantes da energia, desde há muito tempo, além da exploração do petróleo, dedicam-se também à extração e venda de gás, e também já estão começando a voltar-se para as energias renováveis. E é bem conhecida a crescente pressão sobre as empresas petrolíferas a favor  da redução das emissões poluentes que causam impacto nas mudanças climáticas.

Os responsáveis pelas empresas multinacionais solicitaram o encontro, durante o qual um espaço adequado será dedicado à discussão e ao debate. Pela Santa Sé, além do chanceler da Pontifícia Academia das Ciências Marcelo Sanchez Sorondo, participará também o Cardeal Peter Turkson, prefeito para a promoção do desenvolvimento humano integral, o grande dicastério que trata, entre outras coisas, de

  • proteção ambiental,
  • de economia
  • e de finanças sustentáveis.

Os participantes também terão um encontro com o autor da Laudato si’, o Papa Francisco.

“A reunião tem por finalidade dialogar com os CEOs das empresas petrolíferas – explica ao jornal La Stampa  o bispo Sanchez Sorondo, chanceler da Pontifícia Academia das Ciências – para saber até que ponto eles estão conscientes de que o petróleo é a causa principal da mudança climática, isto é, do  aquecimento global que está arruinando o planeta.

É importante porque hoje eles

  • não apenas controlam a economia mas também a política de muitas nações,
  • particularmente as do G20.

Trata-se de sugerir a eles, e através deles aos políticos, que invistam em energias renováveis ou na descarbonização como

  • um novo desafio,
  • uma meta sócio-econômica,
  • fonte de trabalho e de bem-estar da casa comum.

Esperamos que eles queiram ouvir a mensagem, como alguns já estão fazendo. Foram eles que quiseram esta reunião e estamos felizes com isso para iniciar um diálogo sério, crítico e construtivo”.

Enquanto isso, em 6 de junho, em Bruxelas, o Movimento Católico Mundial para o Clima, juntamente com as três redes europeias das

  • Conferências Episcopais (COMECE,
  • CCEE,
  • Comissão da Justiça e da Paz da Europa),

organiza o primeiro “Laudato si’ Reflection Dayˮ [Dia de reflexão sobre a ‘Laudato si´’] em nível  europeu sobre o tema da “Finança sustentável ​​na Europa e na Igrejaˮ.

 

 

 

ANDREA TORNIELLI

 

Fonte: http://www.lastampa.it/2018/06/02/vaticaninsider/ambiente-i-colossi-dellenergia-a-confronto-in-vaticano-NU315yBeOodjEIwfN5W43N/pagina.html

 

 

 

 

Leave a Reply

You can use these HTML tags

<a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>