Posts por data

dezembro 2018
D S T Q Q S S
« nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Categorias

Os sentidos da rebelião francesa

Resultado de imagem para Os sentidos da rebelião francesa

 

Umair Haque – 13/12/2018
Foto: Jornal O Globo
Governo Macron recua e entra em crise. Mas as revoltas vão se espalhar e exigem saídas novas. Uma delas: resgatar os cidadãos, emitindo e distribuindo dinheiro.

O artigo é de Umair Haque, Diretor do Havas Media Labs e autor de “Betterness: Economics for Humans” e “The New Capitalist Manifesto: Building a Disruptively Better Business“, publicado por Outras Palavras, 11-12-2018. A tradução é de Marianna Braghini. Leia mais →

“Sim, a ‘omertà’* é real no Vaticano”

“Marie Claire” – Catherine Durand  

 10 DE DEZEMBRO DE 2018

 Foto: Daqui 

Catherine Bonnet, pedopsiquiatra, explica a sua renúncia com membro da Comissão Pontifícia para a Proteção dos Menores, pouco mais de dois meses antes da reunião de cúpula sobre os abusos sexuais que será realizada em 21 de fevereiro em Roma

Leia mais →

01, 02 e 03: Filhos dão cada vez mais dores de cabeça a Bolsonaro

Líderes sociais latino-americanos denunciam ao Papa a “crescente judicialização seletiva da política” na região

Resultado de imagem para Líderes sociais latino-americanos denunciam ao Papa a “crescente judicialização seletiva da política” na região
Hernán Reyes – 12 /12/2018 – Foto: Prodista digital
 Um grupo de líderes sociais apresentaram ao Papa, nesta terça-feira, um relatório sobre as denominadas “guerras jurídicas” (lawfare) na América Latina e a

A reportagem é de Hernán Reyes, publicada por Religión Digital, 11-12-2018. A tradução é do Cepat.

Leia mais →

Direitos e deveres humanos

 

Imagem relacionada

Anselmo Borges – 08/12/2018

  1. Declaração Universal dos Direitos Humanos foi adoptada pela Assembleia Geral das Nações Unidas a 10 de Dezembro de 1948, em Paris:

“A Assembleia Geral proclama a presente Declaração Universal dos Direitos Humanos como o ideal comum a ser atingido por todos os povos e todas as nações, com o objectivo de que cada indivíduo e cada órgão da sociedade, tendo sempre em mente esta declaração, se esforce, através do ensino e da educação, por promover o respeito por esses direitos e liberdades, e, pela adopção de medidas progressivas de carácter nacional e internacional, por assegurar o seu reconhecimento e a sua observância universal e efectiva.” Leia mais →

Ciências econômicas e sociais no ensino médio na França: uma reforma ideológica

 

Resultado de imagem para Lycée CharlemagnePierre Merle, Professor Associado de Economia e Ciências Sociais (Espe* de Bretagne) – 8/11/2018

Foto: Sala de aula no Liceu Charles Magne / Getty Images – Tradução: Orlando Almeida 
Os novos programas de ciências econômicas e sociais simplesmente esvaziam as principais questões sociais, ambientais e sociológicas. Como esse ensino possibilitará a compreensão do mundo contemporâneo, condição de democracia?

Leia mais →

“Para se defender, o neoliberalismo faz a democracia se esgotar”. Entrevista com Grégoire Chamayou

Sonya Faure – 09-11-2018. – Vinheta: Carta Maior

Confrontados pelo ativismo da década de 1970 e as exigências éticas dos consumidores, os pensadores liberais e líderes empresariais desenvolveram manuais de gestão e de teoria política para defender o capitalismo contestado.

Ao dissecar esses discursos, o filósofo elabora uma brilhante trajetória do liberalismo autoritário.

A entrevista é de Sonya Faure, publicada por Libération, 09-11-2018. A tradução é de Wagner Fernandes de Azevedo. Leia mais →

Desistir da Paz?

Resultado de imagem para Desistir da Paz?

Frei Bento Domingues, O.P. – 09/12/2018 – Foto: Pensador

“Está mais do que demonstrada a ferocidade que pode ser desencadeada entre pessoas, nações e povos. Essa todos os dias é patenteada, em diversos cenários de crueldade, com meios de comunicação que a celebram e a incitam ao seu motor: o ódio do outro.

Importa investigar os mecanismos psicológicos, sociais, económicos e políticos que incitam à guerra e à paz. Foi possível subscrever a carta dos Direitos Humanos. Nunca se conseguiu assinar a dos Deveres.”  Leia mais →

França. Os coletes amarelos não se abrandam

Resultado de imagem para França. Os coletes amarelos não se abrandam

Foto: Mises Brasil – O governo francês, um dos mais ativistas na causa das mudanças climáticas, quer reduzir o consumo de petróleo. Mas gerou uma revolta ao aumentar o preço do diesel.

Executivo francês não encontrou ainda a receita para abrandar os “coletes amarelos” (colete obrigatório para motoristas na Europa, se precisarem sair do carro para concertos… – NdR) para que nesse final de semana a capital Paris escape da hostilidade dos injustiçados sociais. O macronismo começou a cambalear quando o chefe do Estado estava na Argentina.

O artigo é de Eduardo Febbro, publicado por Página/12, 06-12-2018. A tradução é de Wagner Fernandes de Azevedo.

Leia mais →

A politização do STF em 2018, por Clarissa Tassinari e Ziel Ferreira Lopes


Por Clarissa Tassinari e Ziel Ferreira Lopes – 08/12/2018

Foto: Rosinei Coutinho/STF – 

“Professores, vocês poderiam, como última aula deste ano, dizer os principais erros e acertos do Supremo Tribunal Federal neste ano de 2018?”.

Foi a pergunta que, compartilhando uma sala de aula, os autores desta coluna receberam. No final do ano, temos sempre textos de balanços e perspectivas sobre o papel do STF. Leia mais →